PSOL é o único partido com uma mulher na chapa para o governo

Professora e socióloga, Danúbia Barbosa é candidata ao cargo de Co-Governadora


Mulheres na política? Sim! O PSOL é o único partido com representatividade feminina nas chapas que concorrem ao governo de Alagoas. Uma pauta que foi muito além do discurso, mas se materializou na construção da própria candidatura nessas eleições. Mulher, negra, socióloga e professora, Danúbia Barbosa tem histórico nos movimentos sociais, estudantis e representa o gênero que é maioria do eleitorado alagoano, cerca de 1.166.000 mulheres.



“Coloquei meu nome a disposição não para ser peça decorativa nessa chapa. Estou aqui construindo no mesmo nível de igualdade essa caminhada ao governo de Alagoas. É uma honra dividir esse espaço com o Basile e sei da minha responsabilidade em representar as mulheres alagoanas. Uma experiência que vai me dar muito orgulho”, avalia Danúbia.

A candidata a Co-Governadora ainda acrescenta que é preciso garantir políticas públicas para as mulheres alagoanas em todas as áreas: “No caso da saúde, quantas mulheres são privadas de atendimentos nos postos e que lutam para conseguir exames? É garantia do estado oferecer saúde de qualidade. Não pode ser um privilégio conseguir fazer um exame para detectar, por exemplo, um câncer de mama e conseguir realizar o tratamento. Digo o mesmo na área de segurança: é preciso apoiar aquelas mulheres que sofrem qualquer tipo de violência, seja física ou verbal. Garanto trazer para o debate as pautas de todas nós”.

Para Basile Christopoulos, candidato ao governo, a presença de uma candidata mulher é fundamental para o fortalecimento da democracia. “A representatividade feminina é extremamente necessária quando pensamos nas lutas pelos direitos das mulheres em um contexto no qual, como se sabe, ainda há muito preconceito, exclusão e violência contra elas. A nossa luta é para todos e Danúbia vai representar muito bem esse papel”, enfatizou Basile.